Últimos dias...

Olá! Primeiramente queremos agradecer os comentários dos assíduos frequentadores do nosso blog, obrigado pelo apoio e votos de sucesso... É muito bom saber que vocês estão torcendo por nós, e com certeza também torcemos para que cada um consiga alcançar seus objetivos.
Segundo, vamos aos fatos desses últimos 3 dias. Quase uma semana completa de Canadá e claro, temos algum micos inesquecíveis. Aí vão eles por itens:
- Ainda no aeroporto em Toronto, aceitamos ajuda de um carregador de malas, que veio providencialmente em um momento de falta de forças nossas. Pois não foi que depois de termos pago o serviço (era tipo uma empresa de carregadores) o cara veio estender a mão, assim, sem falar nada, e não deu outra, o Diego pegou na mão do cara e o cumprimentou hahahaha. Só no milésimo de segundo posterior que o branco passou e lembramos que aqui no Canadá sempre se dá gorjetas e o cara estava pedindo um troco e não nos cumprimentando.
- Estávamos voltando do centro ontem e entramos com o papelzinho do ônibus (vc paga com 2 tickets e sai um papelzinho que vale por +/- por 1h30, quando vc pode pegar quantos ônibus precisar), entramos e o motorista pediu pra rever o meu, só que na hora eu fiquei confusa e achei que o tempo tinha expirado, e comecei a cutucar o Diego para pegar $ para pagar e tudo mais... e no fim ele só queria dar uma olhadinha na hora (ainda faltava mais de 1h para expirar).
- Hoje almoçamos na PizzaHut e pedimos uma garrafinha de água. A garçonete veio trazer e perguntou se queríamos somente o canudinho. Daí o Diego pediu 2 cups ao invés de 2 glasses (que tal tomar água em xícaras no restaurante hein).
Na quinta-feira fomos bater perna por alguns bairros que julgamos interessantes para morarmos. Vimos o clima dos locais que já previamente havíamos locado no mapa, e vimos mais alguns locais para aluguel ao longo do passeio. Gostamos muito de uma área central que se estende para trás da prefeitura de Ottawa. Vamos ver se conseguimos um lugarzinho por lá.

No sábado, resolvemos bancar os chiques e ir ao cassino em Gatineau. Depois de descobrir quais as linhas de ônibus que iam até lá (linhas da província do Quebec), chegamos lá por volta das 11hs. Achamos muito interessante a cidade de Gatineau, mas logo percebemos a necessidade de saber pelo menos o básico de francês. Foi só atravessar a ponte que era tudo diferente e em francês hehe.
O cassino em si é bem legal, com mesas de BlackJack, roleta, Poker, caça-níqueis etc... coisa chique mesmo. Assim, resolvemos apostar. Apostamos $5. Perdemos $3 e sacamos os $2 restantes, antes que eles também se fossem hehehehe (que pobreza né).
E hoje fomos somente à tarde, novamente nas lojas da Merivale mesmo, que já tínhamos ido. Compramos algumas coisinhas no super e algumas coisinhas pra futura newhome.
Abração,

Cassino Du Lac-Leamy, em Gatineau

No interior do Cassino

Flame of the Confederation, na frente do parlamento

Vista de um dos prédios do parlamento, Wellington street

Eclusas no canal Rideau

2 comentários:

  1. Ola Adri e Diego,

    E ai, gostaram de Ottawa? Eu amo essa cidade e tenho certeza que voces tb iram ama-la. Estamaos voltando pro Canada em novemebro e espero poder encontra-los.

    Abracos e boa sorte

    ResponderExcluir
  2. Oi Adri e Diego, estou acompanhando vcs nessa aventura que eu e meu marido faremos tb, estamos na mesma dúvida de vcs, ottawa ou edmonton? estou torcendo por aqui (Recife) e quem sabe nos encontraremos no futuro. Boa sorte.
    Carol
    carol@oi.com.br

    ResponderExcluir