Parlez-vous français?

Desolé, je ne parle français tres bièn... Peut-on parler en anglais, s'il vous plait?
Eh gente amiga... por enquanto é isso aí que consegue arduamente da nossa boca...

Incrível o branco que dá quando alguém começa a falar em francês conosco.. credo!!


As razões do apagão linguístico são várias, na minha opinião. Primeiro, eles estão falando quebecois, ou seja, não é exatamente igual ao francês, digamos, original. Segundo, nós estudamos pouco tempo para sairmos aí falando, tem gente que consegue, mas aí tem dom pra línguas. Terceiro, praticar que é bom, nós não estamos fazendo (não por não querer somente, não adianta de nada um falar com o outro, um sabendo menos q o outro). hehehe


Bem, mas por mais pessimista que possa ser o parágrafo acima, eu estou super otimista com a idéia de conviver mais com a língua e eventualmente sair tagarelando por aí. No dia da mini-inauguração da casa, a Olive e o Christian tentaram gerar um diálogo conosco já que falamos que não tínhamos com quem praticar. Até que conseguimos entender bem, mas responder já foi outros 500, pouca coisa saiu.
A uns dias, fui passear com o Dex e acabei encontrando a vizinha nova, ela aparentemente não fala inglês. Resultado, os cachorros conversaram e nós não...hehehehe

Sexta-feira, ouvimos alguém bater na porta, fui ver e éram 3 meninas de aproximadamente uns 5 ou 6 anos, que recém se mudaram para as casas vizinhas. As 3 queriam ver o Dex e só falavam francês. Eu entendia um pouco do que elas falavam, elas não entendiam nada que eu falava em inglês e eu não conseguia falar nada em francês... O Diego ficava jogando palavras lá de dentro de casa, tentando ajudar, mas o branco persistiu. Resultado: sorrisinhos e carinhos no Dex, mas nada de conversa....hehehehehe.

Só em casos de curiosidade, nossa mudança para o Quebec não afetou muito a necessidade de falar francês. Digo, você pode se virar perfeitamente bem em Gatineau sem falar nem bonjour... O caso talvez seja um pouco diferente se você quiser trabalhar em Gatineau, aí provavelmente eles vão requisitar.

Bem, outra hora eu conto mais das nossas aventuras no mundo francofônico...

Beijos

5 comentários:

  1. Fiquem tranquilos ,com o tempo você vão se acostumando ao idioma !!!
    Abração
    E o blog tá super legal ;)

    ResponderExcluir
  2. Se vcs que são aventureiros e dispostos a enfrentar o que der e vier, imagina nós tentando falar ingles, há,há.....A lingua fica mais dura que um poste congelado. Sem contar que a gente esqueçe o pouco que aprendemos.Ë terrível.... mas não desistiremos.bjos p/vcs dois BEA

    ResponderExcluir
  3. Oi Adri!!

    É amiga, acho que vamos acabar mudando pro lado de vcs da ponte mesmo! Hoje achamos um apê até que bacaninha em Hull de frente pro Gatineau Park, 2 quartos por 769.00 e com tudo incluso! Acho que logo mais vamos dividir as histórias de confusão com o francês! rsrs

    O Dexter faz sucesso onde passa, hein? =)

    Beijos,
    Ju

    ResponderExcluir
  4. Oi Adri e Diego! Faz um tempo que não apareço por aqui...
    Bom, quanto ao francês, fiquem tranquilos... Há 1 ano atrás, quando eu cheguei aqui em Montreal, meu francês era mediano e só falava inglês... Agora, depois de mais de 6 meses trabalhando em um projeto só com québecois, posso dizer que o meu francês melhorou absurdamente! Mas em compensação, o inglês que é bom... Ta ficando bem enferrujado! hehehe... não adianta, é uma questão de treino e paciência, principalmente com o sotaque, mas vcs pegam o jeito! Se quiserem uma ajuda, estamos aqui!
    Bjos
    Marilia

    ResponderExcluir
  5. Olá pessoal, tudo jóia?!

    Vc poderia falar um pouquinho o porquê da mudança para o Quebec?

    Já acompanhei o caminho contrário Gatineau-Ottawa.

    Abração!

    Rogério Lima

    ResponderExcluir